martedì 11 gennaio 2011

Lábios De Mel - Terra Samba




Baragundê, dê, dê, da
Baragundê, dê, dê, dê
Baragundê, dê, da
Dig, dig, dig, ê
Dig, dig, dig, ê

Quando eu pego no cavaco e começo a tocar
A galera entra no clima, querendo samba
Todo mundo me seguindo, levantando as mão
Devagar, devagarinho, cantando esse refrão

Dig, dig, dig, ê
Dig, dig, dig, ê

Com a mãozinha na cabeça, outra na cintura
Sou o Terra Samba, ninguém me segura
Com a mãozinha na cabeça, outra para o céu
Sou o Terra Samba, lábios de mel

Barangudê, dê, dê, da
Barangudê, dê, dê, dê
Barangudê, dê, da

É só ir lá pra ver, é só ir lá pra crer
Todo mundo junto nesse carnaval
Quero ver sacudir a galera do mal

Nessun commento:

Posta un commento